Feiras de sucesso: ACHEMA (Frankfurt), Le Bourget (Paris), GIFA (Düsseldorf) Apresentação das novas gamas de produtos

ACHEMA

A NABERTHERM apresentou pela primeira vez a nova gama de fornos para laboratórios na feira mundial de material para laboratório ACHEMA, em Frankfurt. Além do design apelativo, as diversas gamas de fornos estão ainda dotadas de inovações técnicas revolucionárias.

Na feira, destacou-se a nova geração de controladores, apresentada pela primeira vez ao grande público. Distingue-se pela fácil utilização, opções modernas de documentação, apresentação multilingue e muitas outras importantes características técnicas.

Estão disponíveis mais informações no nosso catálogo sobre laboratórios.

 

Le Bourget

Este ano, um dos pontos altos da feira foi a área do "Additive Manufacturing" enquanto processo de fabrico para componentes de série de pequena dimensão para a indústria aeronáutica. A Nabertherm apresentou, por exemplo, modernas possibilidades de tratamento térmico para alívio de tensão ou o endurecimento de componentes impressos em plástico, alumínio, titânio ou aço.

Para determinadas aplicações, existem alternativas mais económicas à utilização de secadores de câmara, como por ex. a execução dos processos com árgon ou azoto em caixas de gás em vez de em fornos de retorta estanques ao gás. Naturalmente, a Nabertherm disponibiliza ainda sistemas de fornos tecnologicamente avançados para o trabalho com gases inertes ou reativos ou em vácuo.

Estão disponíveis mais informações no nosso catálogo sobre tecnologia de processamento térmico.

 

GIFA

Para além da vasta gama de fornos para fusão, remoção de núcleo, tratamento térmico de metais e secagem, a Nabertherm apresentou nesta feira, pela primeira vez, a série de modelos NBCL.

Os fornos de câmara da série NBCL destinam-se à limpeza térmica de componentes. É exemplo disso a limpeza térmica de motores elétricos, superfícies pintadas de componentes em aço, bocais de máquinas de moldagem por injeção de plástico ou a remoção de núcleos de peças de fundição. Os fornos são aquecidos a gás e possuem um sistema integrado de pós-combustão térmica também aquecido a gás. A atmosfera pobre em oxigénio ou redutora existente por princípio no forno impede eficazmente uma reignição local na peça de trabalho, evitando assim danos devido a sobreaquecimento. Os gases de exaustão gerados são conduzidos da câmara do forno para o sistema de pós-combustão térmica, onde são queimados. Conforme o tipo de gases, poderá ser possível um processamento sem resíduos.

Estão disponíveis mais informações no nosso catálogo sobre fundição.